Debate : Aves do terror.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Debate : Aves do terror.

Mensagem  David em Sab Jan 19, 2013 7:28 pm

Neste último mês eu dei uma lida sobre essas aves e, coincidentemente, tivemos um duelo no fórum envolvendo o Kelenken.

Hoje, eu vi uma informação de que pesquisas recentes demonstraram que o bico dessas aves eram, na verdade, ocos. Dessa forma, eles não eram muito fortes e não aguentariam movimentos laterais bruscos, embora a sua ponta fosse extremamente forte e resitênte a estresse físico.

Me veio a cabeça então sobre como essas aves realmente caçavam. Se eram predadores de pequenos mamíferos e lagartos, ou se possuíam força e técnica para por no chão animais maiores.

Se alguém tiver alguma informação, comentem.
avatar
David

Mensagens : 77
Data de inscrição : 28/10/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Debate : Aves do terror.

Mensagem  Daniel T em Seg Jan 21, 2013 3:22 pm

Talvez seja desse estudo que esteja falando: http://www.oucom.ohiou.edu/dbms-witmer/terror_birds_PLoS-ONE_media.htm

Bom, aí eles chegaram a conclusão de que os ataques dessa ave deveriam ser mais sutis (da a entender que a presa não era morta em poucos ataques ou num ataque certeiro), dando vários ataques com o bico como se fossem "machadadas", recuando e repetindo o processo até matar a presa.

Realmente com presas grandes isso pode ser mais complicado de se conseguir.
avatar
Daniel T
Admin

Mensagens : 1114
Data de inscrição : 28/10/2011
Idade : 32
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://territorioselvagem.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Debate : Aves do terror.

Mensagem  David em Seg Jan 21, 2013 7:03 pm

Sim, este mesmo, só que eu discordo de uma coisa. Ratitas atacam e se defendem por meio de suas poderosas pernas, e o partente mais próximo destas aves que ainda vive ( a seriema) também mata suas presas pisoteando. Claro que o tamanho enorme do crânio assusta e intimida, mas daí dizer que essa era a principal arma de ataque desses animais é um pouco "conviniente" e preguiçoso.
avatar
David

Mensagens : 77
Data de inscrição : 28/10/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Debate : Aves do terror.

Mensagem  Daniel T em Ter Jan 22, 2013 7:26 am

Acredito que as patas poderiam ser mais usadas para a defesa (estando parada) do que para o ataque, uma vez que presas médias/grandes deveriam ser perseguidas, assim já ocupando as patas da Ave do Terror. Agora com presas pequenas e mais lentas, a teoria das patas/pernas seria melhor aceita.


Última edição por Daniel T em Ter Jan 22, 2013 7:29 am, editado 1 vez(es)
avatar
Daniel T
Admin

Mensagens : 1114
Data de inscrição : 28/10/2011
Idade : 32
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://territorioselvagem.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Debate : Aves do terror.

Mensagem  reptilesporosus em Ter Jan 22, 2013 7:28 am

Vou falar por cima agora pq estou um pouco com pressa, mais depois estarei melhorando a resposta. O estudo concluído agora começou em 2007, e com relação aos cálculos utilizados e resultados, posso te dizer que tem bastante base e veracidade. Ocorre que este estudo foi feito com base mais em uma espécie específica e não com todas, podendo ter diferentes resultados em outras aves , pois elas se separavam em idade, algumas em milhares de anos.Vou estar coletando aqui no meu pc o que tenho de material e depois posto meu parecer sobre suas técnicas de caça e morfologia!!!
avatar
reptilesporosus

Mensagens : 811
Data de inscrição : 14/11/2011
Idade : 44
Localização : Campinas

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Debate : Aves do terror.

Mensagem  reptilesporosus em Ter Jan 22, 2013 4:52 pm



Respondendo seriamente com relação a estas aves, conhecidas como aves do terror, ou Phorusrhacídeos creio que algumas suposições sobre seus hábitos, comportamento e técnicas de caça foram foram feitas de forma precoce, deixando a visão geral destas aves como de incríveis predadores sem competidores mediante sua superioridade.Ocorre que este ramo de aves passou por algumas adaptações de espécie para espécie em um linear grau de adaptabilidade e isto precisa muito ser levado em conta.
Que seus bicos foram armas letais isto sem dúvida, mais eles poderiam ter tido muitas diferenças de dureza, resistência a tensão, fio, etc.
Os dois vídeos abaixo, me deixam muito relutante quanto a toda a agressividade e capacidade destas aves, principalmente com relação a presas grandes.


Concordo com a possibilidade de que com golpes de baixo pra cima aqueles bicos serem armas perfurantes seríssimas, mais ainda assim seu uso poderia ser perigoso contra animais grandes, como os cavalos mostrados nos vídeos. A cena delas segurando um equino pré-histórico de pelo menos 400kg com um dos pés pra mim foi forçar todas as barras, mesmo se tratando de uma Titanis walleri, ave estudada nos vídeos, que poderia chegar a 250cm de altura e 150kg e provavelmente a única deste grupo de aves que migrou para a América do Norte. Ainda que elas se alimentassem de animais grandes, o risco de uma contusão era bem maior, já que mesmo sendo fortes elas ainda eram aves que possuem esqueletos menos resistentes que de mamíferos e répteis por exemplo. A corrida atrás de grandes equinos pode acarretar em coices violentos que sabemos ser capazes de derrubar leões adultos.Prefiro acreditar que suas preferências eram seletivas como mirar em indivíduos filhotes ou imaturos, doentes ou velhos.Neste caso vejo as técnicas descritas no estudo sobre seus ataques como ágeis boxeadores mais efetiva em presas mais leves, de médio e pequeno tamanho, que aliás justificaria um uso combinado de pés e bico.Quanto a capacidade do conjunto crânio, bico e pescoço eu tb partilho da ideia que eles eram menos resistentes que se pensava, e sua mordida poderia realmente ter tido menos poder que de outros predadores de mesmo porte, e que no caso da ave deste estudo, a Andalgalornis steulleti, marsupiais dentes de sabre como os Thilascomilus se enquadravam bem.
Realmente prefiro crer que estas aves eram rápidas, na casa dos 58km/h pra mim é mais aceitável, suas prováveis vítimas teriam sido animais de médio e pequeno porte, só se aventurando em combates com animais grandes se tivessem alguma garantia de êxito e usando seus pés contra estas vítimas comuns mais para perseguir do que para atacar.
Das espécies até hoje descritas, só algumas ao meu ver poderiam fazer parte de uma lista de candidatas a potenciais predadoras eventuais de animais maiores:
Brontornis burmeisteri : 2.8m e até 400kg
Paraphysornis brasiliensis: 2m e 170kg
Devincenzia pozzi: 2.5m e até 200kg
Kelenken guillermoi:3m e até 250kg
Phorusrhacos longissimus: 2.5m e até 130kg
Titanis walleri: 2.5m e 170kg
avatar
reptilesporosus

Mensagens : 811
Data de inscrição : 14/11/2011
Idade : 44
Localização : Campinas

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Debate : Aves do terror.

Mensagem  savinti69 em Qua Jan 23, 2013 10:08 am

eu nao concordo muito com esses estudos e essas teorias , segundo o seu esqueleto e o seu tamanho me da a entender que essa ave se alimentava de animais de pequeno e médio porte e não de grande porte , pk nao tem como essa ave agarrar um animal de grande porte para o bicar e um animal de grande porte nao morre com uma simples bica , e consertesa que essa ave era um animal necrófago aquele grande bico servia para rasgar a pele grossa dos animais mortos igual aos abutres
avatar
savinti69

Mensagens : 483
Data de inscrição : 15/09/2012
Idade : 34
Localização : grandola

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Debate : Aves do terror.

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum